Mãe vocação de amor e perdão

 

*Monsenhor Jonas Abib

Ser mãe é uma vocação e um dom muito lindo recebido de Deus. Ame cada vez mais seus filhos, eles precisam do seu amor. Amor é cura! Para quem recebe e para quem dá. Quanto mais você amar concretamente, mais será curado. A cura requer amor.

Amar é uma ação, não é uma coisa aérea, é gastar a vida. Infelizmente o mundo está destruindo as coisas mais lindas que Deus criou. A partir da família e do amor. Mas é preciso reconstruí-las, e com amor.

A família é sempre uma busca, uma luta, um querer ser. Não existe família perfeita, porque todos estão aprendendo a ser. É preciso que haja perdão, reconciliação, porque nós erramos. Mas que bonito, mesmo em meio ao sofrimento, superar as fraquezas, as limitações, os erros.

É nesta luta que a ternura, o carinho e o perdão acontecem. O que se reconstrói no perdão e na reconciliação é muito mais do que se perdeu no erro, no engano, na falha.

Sua família é sagrada porque os dons e os chamados de Deus são irrevogáveis. Deus não volta atrás. Talvez a sua casa esteja desmoronando. Mas ela não deixou de ser sagrada. Deus tem como juntar os cacos e restaurá-la

Você, mãe, talvez sofra por causa dos seus filhos que estão nas drogas, na prostituição. Hoje Deus quer agraciar a sua casa. Não estou dizendo que  você verá uma transformação imediata, mas a graça de Deus é semente e a gente precisa acreditar nessa semente.

Quando uma mulher fica grávida, uma semente de vida é fecundada no útero dela. É uma coisinha microscópica, e um dia todos nós fomos isso. Foi preciso que você começasse assim.

Igualmente é a graça de Deus. Hoje Deus quer dar uma graça eficaz, lançar uma semente na sua casa, na sua família. O que você precisa fazer é acolher. O impossível vai se realizar!

Que nesse dia, as bênçãos de Deus estejam sobre todas as mães. A você que é mãe a minha alegria por poder dizer: Parabéns!